Blefaroplastia





Também conhecida como cirugia de pálpebras.
 

Blefaro significa pálpebra, blefaroplastia é uma cirurgia plástica ou estética das pálpebras que tem por finalidade remover o excesso e pele e bolsas de gordura das pálpebras superiores e/ou inferiores.
Blefaroplastia é o tratamento para remoção do excesso de pele e bolsas de gordura que se acumulam sobre as pálpebras superior e inferior.Com o envelhecimento a pele das pálpebras rende a ficar mais flácida, assim como a musculatura de sustentação dos olhos. Algumas pessoas têm maior tendência a formar aquelas bolsas de gordura sob a pálpebra, isso se agrava com a perda do tônus muscular que mantém as bolsas. Com o tempo a musculatura flácida associada ao excesso de pele faz com que as pálpebras fiquem pesadas e caídas. Este processo, que pode ser acelerado pela perda súbita de peso, processos alérgicos, alterações oftalmológicas e até problemas tireoidianos. 

Na blefaroplastia superior, remove-se, do centro de cada pálpebra superior, uma dobra horizontal de pele, de modo a que a cicatriz se localize ao longo de uma prega natural, ficando escondida quando a pálpebra está aberta. Na blefaroplastia inferior, a incisão é feita logo abaixo dos cílios, de modo a que a cicatriz fique na zona de sombra das mesmas e se prolongue obliquamente, de modo a não ficar visível. 

A cirurgia é realizada normalmente com anestesia local em regime de cirurgia de ambulatório e demora cerca de 1 hora e meia a 2 horas Alguns médicos indicam anestesia geral, mas não é necessário, o paciente pode pedir ao médico que se realize o procedimento com sedação. Neste caso o paciente dorme mas não é necessário tomar anestesia geral, evitando os riscos da anestesia.

Após a cirurgia, o paciente pode sentir ardor nas pálpebras pela sensibilidade do local, mas não é comum sentir muita dor. Algumas equimoses (manchas roxas e inchaço são comuns ao redor dos olhos). São indicados pomadas com antibiótico para evitar a infecção e compressas de soro fisiológico gelado para reduzir a tumefação e as equimoses. Os pontos de sutura são removidos três a cinco dias após a cirurgia. A recuperação ocorre em uma semana e as marcas desaparecem em torno de dois a três semanas. Já as cicatrizes tornam-se inaparentes ao fim de seis a doze meses, na maioria dos casos. Nas pessoas com propensão para a formação de quelóides, estas podem se manter, pelo que a consulta pré-operatória deve avaliar esse risco



Comente:

Nenhum comentário

Comente Sempre!