Brasil ocupa segundo lugar em ranking mundial de cirurgias plásticas




A lipoaspiração voltou a ser a cirurgia plástica mais realizada no Brasil, ultrapassando o aumento de mama

Segundo uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (24), o Brasil é o vice-campeão mundial em número de cirurgias plásticas. Em 2011, foram realizados mais de 905 mil procedimentos, o que representa um aumento de 43,9% em relação ao ano anterior. Em quatro anos, o crescimento foi de 97%.

O país só perde para os EUA, que realizou 1,1 milhão de cirurgias plásticas em 2011. "O número é parecido com o do Brasil, mas é preciso considerar que a população americana é bem maior", comenta o cirurgião José Horácio Aboudib, presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

Em terceiro lugar no ranking aparece a China, com 415 mil cirurgias plásticas. Em quarto, está o Japão, com quase 373 mil procedimentos.

Segundo Carlos Oscar Uebel, presidente da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica, uma das razões pelas quais a lipo ultrapassou as cirurgias de mama foi a preocupação gerada pelos implantes de silicone rompidos das marcas PIP e Rofil. "Essa retração aconteceu não só no Brasil mas também na França, Itália e Espanha, países onde essas próteses eram bastante usadas. As mulheres ficaram reticentes."

Em todo o mundo, a lipoaspiração representa quase 20% do total de procedimentos cirúrgicos. Já entre os não cirúrgicos, a aplicação de toxina botulínica (Botox e Disport) ocupa o primeiro lugar, com 38,1% dos procedimentos.

Lipoaspiração x implante de silicone

O levantamento, feito pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética com participação da SBCP, também indica que a lipoaspiração voltou a ser a cirurgia plástica mais realizada no Brasil. Em 2011, foram feitos mais 211 mil procedimentos desse tipo.

Em segundo lugar, aparece a cirurgia de aumento de mama (149 mil procedimentos).

A lipoaspiração chegou a ser a modalidade mais procurada em 2004, mas foi ultrapassada pela cirurgia de aumento de mama em 2007. Em 2011, voltou ao primeiro lugar.

A cirurgia de redução de mama (ou para redução da flacidez) é a terceira mais procurada pelos brasileiros (foram 131 mil em 2011). Em quarto lugar, aparece a abdominoplastia (95 mil) e em quinto, a blefaroplastia, ou seja, a correção das pálpebras e bolsas abaixo dos olhos (90 mil).




Comente:

Nenhum comentário

Comente Sempre!